Usando apenas o DNS do Cloudflare (sem DNS e SEM CDN)


Pode não parecer, mas o responsável pelo carregamento lento do seu site pode ser o Cloudflare. Às vezes, você está com um provedor de hospedagem tão bom que a CDN do Cloudflare só faz atrapalhar seu desempenho. Também pode acontecer do CF dificultar imensamente a descoberta de algum problema no site.

Não importa o motivo, mas dá pra usar o Cloudflare apenas como hospedagem de DNS. E segundo o DNSPerf, ele é um dos melhores nisso, especialmente na América Latina.

Se você ainda não tem site no Cloudflare

Você começa adicionando seu site normalmente, permitindo que o CF analise seus registros de DNS para você não ter que adicioná-los manualmente depois.

Faça as autenticações necessárias junto ao seu provedor de domínio alterando os DNS informados pelo Cloudflare. Espere que a verificação seja concluída e só então passe para a próxima fase.

Se seu site já está no Cloudflare

No painel do Cloudflare, clique no domínio que deseja alterar e vá para a página de DNS (DNS no meu principal).

Usando apenas o DNS do Cloudflare (sem DNS e SEM CDN) 1

Você vai alterar todas as nuvens laranjas (que estão passando pela rede do Cloudflare) para nuvens cinzas. Para isso, clique em Edit, clique na nuvem para desativá-la e depois em Save.

Faça isso com todos os registros de DNS que possuem a nuvem laranja.

Depois, vá até a página inicial do domínio (Overview no menu principal) e role a página até o fim, até ver o fim do menu lateral.

Usando apenas o DNS do Cloudflare (sem DNS e SEM CDN) 2

Clique em Pause Cloudflare on Site. Em seguida, aparecerá uma janela pedindo confirmação de que você quer proceder:

Usando apenas o DNS do Cloudflare (sem DNS e SEM CDN) 3

Clique em Confirm e prossiga. A partir de agora, você verá sempre um aviso na página principal do domínio e verá que as estatísticas de tráfego estão sempre zeradas.

Usando apenas o DNS do Cloudflare (sem DNS e SEM CDN) 4

O DNS continuará ativo, mas qualquer outro recurso do Cloudflare não funcionará, como por exemplo, regras de redirecionamento, certificados SSL, apps e outros.

É isso aí!

Deixe um comentário